Existe alguma ciência por trás da necessidade de diversidade e inclusão no local de trabalho?

Todos nós ouvimos as declarações de que a diversidade e a inclusão são importantes em todas as esferas da vida, seja saúde, uma startup de TI ou qualquer outra coisa para esse assunto. No entanto, há alguma evidência científica por trás das afirmações, como “a diversidade pode impulsionar o desempenho de sua equipe” ou “local de trabalho inclusivo maximiza a produtividade”?

Diversidade

Nesta postagem do blog, decidimos descobrir a pesquisa baseada em evidências que pode confirmar ou refutar essas alegações.

Reivindicação: Diversidade é Crítica para Inovação

União

Evidência: De acordo com pesquisadores da Harvard Business Review, que realizaram uma pesquisa nacionalmente representativa de 1.800 profissionais, bem como realizaram inúmeras entrevistas e grupos focais, concluíram que empresas com uma cultura diversificada e inclusiva superam outras empresas com uma força de trabalho menos inclusiva. Além disso, as diversas empresas tiveram 45% mais chances de aumentar sua participação de mercado e 70% mais propícias a conquistar um novo mercado.

Sem a cultura que promove a diversidade e inclusão, as mulheres foram relatadas para ser 20% menos propensos a compartilhar suas idéias, pessoas de cor – 24% a menos, e LGBT – 21% a menos. Sem permitir que sua equipe contribua para a discussão de forma livre e aberta, você obviamente está perdendo novas ideias que podem levar à inovação.

Além disso, de acordo com os pesquisadores do Instituto Clayman de Pesquisa de Gênero da Universidade de Stanford, quando a cultura é mais heterogênea, é mais provável que as pessoas contribuam com suas perspectivas únicas. No entanto, não basta adicionar uma força de trabalho diversificada à sua organização, você precisa criar a sensação de “pertença ambiental” e a dinâmica produtiva da equipe, instruindo e inspecionando sua equipe para descobrir as partes mais fracas de sua administração.

Reivindicação: Inclusão aumenta o desempenho da equipe

performance da equipe

Evidência: De acordo com a pesquisa realizada e publicada pela McKinsey & Company, há uma relação clara e direta entre a diversidade e o desempenho dos negócios. Em seu relatório, Why Diversity Matters, os pesquisadores encontraram uma correlação estatisticamente significativa entre diversidade e desempenho financeiro. Empresas com equipes mais diversificadas tiveram probabilidade 21% maior de obter rentabilidade acima da média. Força de trabalho inclusiva e cultura diversificada significaram uma probabilidade de 33% de outperformance na margem EBIT. Além disso, para a diversidade de gênero, as equipes executivas mostraram correlações ainda mais fortes.

Scott Page, professor de sistemas complexos da Universidade de Michigan e autor de The Diversity Bonus: como as grandes equipes pagam na economia do conhecimento em sua palestra com [email protected] show de rádio de negócios, confirma que ter pessoas de diferentes origens em sua equipe traz um valor incrível para o desempenho organizacional, revelando diferentes perspectivas e ferramentas.

Reivindicação: Diversidade significa direcionamento de qualidade superior

Alvejando

Evidência: Este é um pouco óbvio, não acha? As pessoas que vêm do mesmo histórico terão taxas mais altas de sucesso na comunicação e compreensão das necessidades, valores, emoções, etc. O entendimento intercultural, o conhecimento dos mercados locais, a valorização dos valores históricos e éticos são fundamentais se você quiser vencer. novos mercados.

Em seu artigo sobre benefícios e desafios da diversidade, os redatores da Hult International Business School dão vários exemplos de como as marcas se perdem na tradução se lhes falta informação da cultura em que estão anunciando. Assim, o “Finger lickin 'good” da KFC foi transformado em “eat your fingers off” na China, e o absurdo anúncio impresso do McDonald's na Finlândia foi considerado bizarro pelo público estrangeiro.

Reivindicação: empresas inclusivas são melhores em reter talentos

Direitos fundamentais

Evidência: De acordo com a pesquisa publicada na Human Resource Management Journal, que envolveu dados de 198 organizações, as empresas com maior índice de diversidade apresentaram menor rotatividade. O aumento da diversidade é, portanto, sugerido como um remédio para reduzir as taxas de rotatividade e aumentar a satisfação dos funcionários.

Outra pesquisa relativamente recente publicada pela Harvard Business School sugere que criar um ambiente onde as pessoas são livres para se expressar sem tentar usar máscaras ou cobrir suas verdadeiras identidades é fundamental para o sucesso de uma organização em um mercado global. A chave para a inclusão, argumentam os escritores, é entender seus funcionários.

Existem algumas maneiras de obter uma melhor conscientização sobre as necessidades de seus membros da equipe: realizar pesquisas e avaliar grupos de discussão de forma independente, participar de conversas individuais ou simplesmente informar seus funcionários de que você realmente se importa. Dessa forma, você manterá seu talento comprometido e comprometido com as metas, visão e, finalmente, com a sua empresa.

Reivindicação: Diversidade Reduz o Pensamento de Grupo

diversidade no local de trabalho

Evidência: De acordo com a pesquisa publicada na revista Perspectives on Psychological Science, os grupos homogêneos estão sob maior risco de pensar em grupo e de mente estreita. Diversos grupos, graças a evidências empíricas, mostraram melhor produtividade, maiores taxas de inovação e, como resultado, decisões mais inteligentes. Equipes diversificadas e inclusivas têm acesso a uma variedade maior de perspectivas, estão mais prontas para adotar mudanças, mais preparadas para ouvir opiniões e pontos de vista diferentes, bem como fazer declarações menos precisas.

Um artigo publicado no MIT News também sugere que “a homogeneidade pode ser uma causa subjacente do 'pensamento de grupo', no qual as pessoas caem em um consenso injustificado”. No entanto, os pesquisadores argumentam que há outro lado da moeda: pessoas semelhantes se sentem mais confortáveis ​​com isso. uns aos outros e estão mais preparados e dispostos a compartilhar suas idéias entre si. Portanto, a falta de diversidade não é, portanto, o único culpado que se esconde atrás do pensamento de grupo. Os gerentes precisam lidar com outras questões organizacionais para descobrir as causas do fenômeno indesejado.

Conclusão

Pode-se argumentar que trabalhar remotamente pode eliminar a necessidade de uma equipe diversificada, já que as pessoas não estão trabalhando juntas face a face. No entanto, estamos confiantes, não é esse o caso.

As equipes remotas também podem se beneficiar da adoção da diversidade, e os gerentes de RH devem fazer todo o possível para incorporar a diversidade e a inclusão em suas práticas de contratação. Como confirmado pela pesquisa mostrada acima, a diversidade desempenha um papel crítico no sucesso de qualquer organização.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *