Como navegar no direito do trabalho em RH

Discutindo o direito do trabalho

Os profissionais de recursos humanos são responsáveis ​​por garantir que suas organizações cumpram todas as leis relevantes ao emprego. Um profissional de RH que não tem educação ou experiência suficiente com a lei pode levar a empresa a ter problemas.

Há muitos aspectos diferentes da lei que um profissional de RH deve estar familiarizado. O não cumprimento dessas leis trabalhistas pode levar a graves conseqüências para a empresa.

Aimee Rieck, gerente de recursos humanos e especialista do setor, explica as leis mais importantes que dizem respeito ao RH e como elas podem afetar o funcionamento adequado de qualquer empresa.

Por que os profissionais de recursos humanos precisam conhecer a lei

Profissionais de RH têm muitos focos e responsabilidades diferentes. Alguns profissionais de RH estão envolvidos no recrutamento. Alguns estão preocupados com as relações de empregado. Outros são responsáveis ​​pela compensação. Muitos profissionais de RH precisam cobrir todas essas bases no decorrer de seus trabalhos diários.

Profissionais de RH sabem que estar em conformidade com todas as leis relevantes manterá suas empresas fora de problemas legais. Mesmo que não sejam profissionais da área jurídica, eles devem entender completamente essas leis para poder cumpri-las.

Áreas Jurídicas Profissionais de RH Devem Saber

Discriminação no Local de Trabalho

Discriminação é uma das queixas mais comuns contra qualquer empresa. Profissionais de RH devem garantir que as empresas cumpram o Código de Direitos Humanos para garantir que não estejam infringindo os direitos de seus funcionários, para se proteger contra possíveis reclamações de Direitos Humanos.

As empresas não devem discriminar com base nos fundamentos protegidos estabelecidos no Código de Direitos Humanos, incluindo religião, status familiar, sexo, expressão de gênero e identidade, raça ou cor, etnia, credo, nacionalidade, informação genética, deficiência ou idade. O solo protegido pode variar dependendo de qual jurisdição provincial ou federal a empresa deve aderir. Os profissionais de RH em Ontário também devem estar familiarizados com a Lei de Acessibilidade para Ontarians com Deficiências e a Lei de Equidade Salarial.

Padrões de Emprego

A Lei de Padrões de Emprego, em Ontário, estabelece os requisitos mínimos que os empregadores devem cumprir e os direitos e responsabilidades dos empregados e empregadores na maioria dos locais de trabalho em Ontário. Esta lei abrange regras básicas, como horas de trabalho, salário mínimo, pagamento de horas extras, férias, feriados, períodos de alimentação e pagamento igual. Ele também cobre mais casos específicos de caso, como licenças, desligamento e rescisão do contrato de trabalho.

Todas as seções desta Lei devem ser seguidas e os profissionais de RH devem consultá-la com frequência para garantir que estejam protegendo seus empregadores de ações judiciais onerosas resultantes de inspeções ou investigações do Ministério do Trabalho ou casos de demissão injusta.

Relações trabalhistas

Locais de trabalho sindicalizados são obrigados a aderir ao Ontario Labor Relations Act. Outras províncias têm sua própria Lei ou Código de Relações Trabalhistas, que varia de acordo com a Província e Federalmente sob o Código do Trabalho do Canadá. Esses Atos governam a relação entre sindicatos e empregadores.

A lei está relacionada a práticas trabalhistas justas e abrange requisitos como processos para estabelecer uma união dentro de um local de trabalho e negociação coletiva.

Gerentes da empresa usando capacetes

Saúde e segurança

A segurança cai sob a visão da OHSA, a Lei de Saúde e Segurança Ocupacional. Este ato foi estabelecido com o objetivo de reduzir lesões, doenças e mortes de funcionários. Muitas linhas de trabalho são perigosas e a OHSA tenta reduzir esses perigos. Mesmo os empregadores em ambientes de escritório precisam estar cientes das regras da OHSA, pois podem cobrir acidentes como escorregões e quedas e lesões por esforços repetitivos.

Locais de trabalho mais robustos, como mineração ou manufatura, também são regidos por códigos de saúde e segurança. Os profissionais de RH devem estar cientes de quaisquer códigos que possam ser aplicáveis ​​a seus locais de trabalho específicos.

Em caso de acidente em um local de trabalho, os profissionais de RH devem estar cientes, compreender e aderir às políticas, procedimentos e processos do Ministério do Trabalho. Além disso, os requisitos de primeiros socorros e suprimentos de emergência estão estipulados no Regulamento 1101, que é regido pelo WSIB, o Conselho de Segurança e Segurança no Trabalho.

As leis de compensação dos trabalhadores cobrem o processo de pagamento de cuidados de saúde e serviços exigidos por pessoas que são feridas no trabalho. A WSIA, a Lei de Segurança e Seguro no Local de Trabalho, ou os regulamentos provinciais e federais precisam ser seguidos nesses casos para relatos de acidentes e acomodações no local de trabalho para retorno rápido e seguro ao trabalho.

Os profissionais de RH também são responsáveis ​​pela violência e assédio nas políticas, procedimentos e treinamento do local de trabalho de seus funcionários. É crucial que os profissionais de RH compreendam totalmente essas leis, a fim de proteger suas empresas contra litígios onerosos e prejudiciais à imagem.

Entendendo as leis de RH

Profissionais de RH devem ter uma compreensão completa dessas áreas jurídicas, a fim de realizar seu trabalho de forma eficaz. Eles precisam trabalhar com seus advogados corporativos para garantir que essas leis sejam obedecidas. Aimee Rieck enfatiza a importância das leis de não discriminação e acredita que a adesão a elas melhorará o desempenho e a cultura do local de trabalho.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *