10 razões pelas quais todo profissional de marketing deve estar usando histórias de mídia social

Os profissionais de marketing de mídia social têm várias ferramentas à disposição, desde texto e fotos até apresentações de slides e transmissões ao vivo. No entanto, uma nova forma de conteúdo está crescendo rapidamente em popularidade: histórias.

O Snapchat apresentou o formato das histórias primeiro e logo foi duplicado pelo Facebook e Instagram. Ele permite que os usuários criem histórias de mídia mista orientadas verticalmente que desaparecem após um curto período de tempo. Histórias são como posts, mas o que os torna diferentes é o seu formato único e a natureza que desaparece.

Influenciador criando história de mídia social

A utilização de histórias tem apresentado um desafio para alguns profissionais de marketing digital, pois muitos estão incertos sobre a melhor maneira de utilizá-los para se conectar com os consumidores. De fato, algumas marcas evitam esse formato. Isso é um erro, pois as histórias oferecem oportunidades interessantes para envolver o público.

Então, por que as histórias são tão importantes? A seguir estão dez motivos dos especialistas em marketing de mídia social da MDG Advertising:

1. Histórias de Amor de Pessoas

Embora sejam novos no cenário das mídias sociais, as histórias ganharam força rapidamente entre os usuários. Os dados do TechCrunch revelaram que a cada dia mais de 450 milhões de pessoas usam histórias no WhatsApp, e 300 milhões de usuários do Instagram também adotaram histórias. No Facebook, 150 milhões de usuários criam histórias diariamente.

2. Histórias têm uma localização privilegiada

Com as histórias se tornando tão populares, várias plataformas pretendem se tornar líderes do formato. Isso significa que as histórias ocupam uma localização privilegiada nas mídias sociais, muitas vezes aparecendo na seção superior da visualização de um usuário. Esse ponto principal é particularmente benéfico para dispositivos móveis, já que é a primeira coisa que os usuários vêem ao verificar seus feeds. Além disso, o recurso de reprodução automática de histórias significa que um usuário frequentemente assistirá a várias histórias, uma após a outra.

3. Histórias permitem que as marcas brilhem

Uma das principais vantagens do uso de histórias é que elas podem ajudar sua marca a se destacar. Enquanto os profissionais de marketing inundam as páginas de mídia social com postagens tradicionais, as histórias ainda não atingiram esse nível de volume ou concorrência. Isso pode mudar no futuro, mas as histórias são uma ferramenta de marketing muito valiosa hoje em dia.

4. Histórias atraem influenciadores

Os influenciadores de hoje são atraídos por histórias – de acordo com um relatório da Klear, aproximadamente 33% dos posts patrocinados criados por influenciadores no Instagram no ano passado estavam em formato de história. Este número deverá aumentar em 2019, o que significa que as histórias serão uma ferramenta essencial para as marcas que esperam envolver os influenciadores.

5. Histórias apelam para clientes mais jovens

Embora muitos usuários de mídia social gostem de histórias, os consumidores mais jovens os acham especialmente atraentes. Setenta e três por cento dos usuários da Gen Z nos EUA compartilham histórias no Snapchat, enquanto 70% publicam no Instagram. Os millennials também abraçaram as histórias – 53% postam histórias no Snapchat e quase 60% adicionam histórias ao Instagram.

Histórias do Instagram

6. Histórias focadas no aqui e agora

O que diferencia as histórias de outros conteúdos de mídia social – que acabam desaparecendo – tradicionalmente tem sido visto negativamente pelos profissionais de marketing. No entanto, as histórias são perfeitas para atualizações oportunas, como anúncios sobre vendas e eventos. Além disso, como essas postagens são tão temporárias, os espectadores não esperam perfeição.

7. Histórias estão prontas para celular

Originalmente, a maioria dos conteúdos nas mídias sociais era visualizada em computadores e, posteriormente, adaptada para dispositivos móveis. As histórias, no entanto, foram criadas para a experiência móvel. Sua orientação vertical e integração com toques e furtos fazem deles uma ferramenta importante para os profissionais de marketing móveis.

8. Histórias podem ser pagas ou orgânicas

Muitos profissionais de marketing consideram as histórias como uma ferramenta para expandir o alcance orgânico, mas também podem ser usadas como peças de marketing pagas. As principais plataformas sociais investiram em formatos de anúncios baseados em histórias e espera-se que surjam mais opções em um futuro próximo.

9. Histórias estão se tornando mais complexas

Independentemente da plataforma, as histórias fornecem várias oportunidades de interação, incluindo pesquisas, filtros e links para sites externos. As histórias também incorporam vários tipos de opções de conteúdo, incluindo emojis, texto desenhado ou imagens em loop. Esses elementos podem ser combinados e usados ​​juntos, criando experiências únicas para o espectador.

10. Histórias impulsionam a criatividade

Mais importante, as histórias são divertidas e originais – duas qualidades que atraem o público atual. O imediatismo, o primeiro formato para dispositivos móveis e a variedade de ferramentas de marketing úteis fazem deles uma excelente adição a uma estratégia de conteúdo. As histórias permitem que os profissionais de marketing experimentem novas abordagens, liberem seu poder criativo e se envolvam com o público como nunca antes.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *